Como garoto Cristão, posso me depilar?

A pergunta procurada pelos Jovens se é pecado a 

depilação masculina, principalmente na área do órgão sexual ?

 

Higiene, vaidade e ousadia são algumas das razões que têm levado cada vez mais homens a se renderem à depilação íntima. Como acontece com as mulheres, eles também querem valorizar o corpo e, por isso, têm decidido remover parcial ou até totalmente os pelos do púbis. Por mais que o tema ainda seja visto com estranheza por muitos homens, quem entende do assunto, diz que o visual não só fica melhor, como é capaz de causar uma ilusão de ótica, acrescentando alguns centímetros ao órgão sexual masculino.

 

 

Bom, depilar o corpo é algo muito higiênico, pois o excesso de pêlo no corpo pode causar odores muito fortes, por exemplo nas axilias, onde deve sempre estar usando desodorantes. A mesma coisa acontece no corpo inteiro.

 

Pêlos (ou pelos) são apêndices filiformes e coniformes da pele dos mamíferos. No homem possui a função de proteção da luz solar direta e diminuir a fricção nas axilas e partes íntimas.



Os pelos púbicos, ou pelos pubianos, vulgarmente conhecidos também como pentelhos entre outros nomes, são pelos grossos localizados na região frontal da pelve, acima e à volta dos órgãos sexuais masculino. Sua função primordial na espécie humana pode ter sido a proteção dos órgãos sexuais contra o frio.

É pecado??

A palavra pecado origina-se do grego "hamartia" e significa errar o alvo. Se o meu alvo, que é Cristo, é desviado por alguma barreira, devo não pecar mais, como disse Jesus a mulher pega em flagrante adultério, em João 8.

Ou seja, se você quer depilar a região do pênis pode fazer sem nenhum problema, até como forma de higiene, mas não deixe que isso (de certa forma) te desvie da fé. Da mesma forma como se faz a barba, é um modo de manter a boa aparência. Mas não se esqueça de que essa boa aparência só poderá ser vista por sua futura esposa, ok?!!


Para aumentar a eficácia da higiene íntima, procure adquirir um bom sabonete íntimo masculino, sendo que este tipo de produto você encontra facilmente no mercado com preços diversos, isto é, a partir de 30 reais ou até menos, você pode melhorar a sua limpeza e saúde íntima. Além disso, é válido ressaltar que a maior parte das doenças e problemas relacionadas a região íntima podem ser reversíveis, no entanto, o grande problema por parte dos homens é demorar muito para procurar ajuda médica, e neste intervalo de tempo a doença pode se desenvolver e se agravar. Desta forma, consulte o urologista para sanar quaisquer dúvidas e não se esqueça de que quanto mais cedo for o tratamento, maiores são as chances de cura. Previna-se sempre, este é o melhor caminho para garantir a sua boa saúde e de seu grande amigo. (pênis)

CUIDADOS!

-Lave diariamente o pênis com água corrente e sabonete neutro. 

-Puxe bem o prepúcio para trás e o limpe na região que fica coberta. Não se esqueça da glande. 

-Para prevenir assaduras, procure enxugar o pênis após lavá-lo. No entanto, caso você já esteja sofrendo com tal problema, evite passar pomadas ou cremes sem recomendação médica. 

-Apare o excesso de pelos da região peniana para não ferir a glande do pênis, já que são muitos os homens que frequentemente se queixam de ferimentos locais. Além disso, tendo pelos aparados e cortados você terá uma melhor limpeza da região. 

-Lave as mãos toda vez antes de urinar, algo que poucos homens fazem, isto é, lava-se a mão apenas depois de urinar, não? Lavando a mão antes você evitará doenças, já que o pênis está limpo e sua mão contaminada. 

-Após urinar, além de dar aquela conhecida balançadinha, passe papel higiênico para enxugá-lo, já que a urina em contato com a pele pode resultar em inflamação, sobretudo, para quem tem maior prepúcio e pele de maior sensibilidade. 

-Lave o pênis antes e depois da relação sexual (para os casados), pois a secreção vaginal pode provocar inflamações e irritações quando permanece por longo período no órgão genital.

Lembre-se também que para o homem é legal deixar um pouco de pêlos (nem se for beeeeeeem poucos mesmos!)